voce-ainda-nao-entendeu-o-corte-degrade-por-causa-disso-afaste-se

VOCÊ AINDA NÃO ENTENDEU O CORTE DEGRADÊ POR CAUSA DISSO. DESCUBRA!

Ainda não entendeu o corte degradê!? Se você chegou a esse post, das duas uma: ou está muito curioso sobre a técnica, ou as dúvidas têm sido suas constantes companheiras. Para este último caso, certamente não houve a absorção adequada da teoria e isso está refletindo na sua dificuldade em colocar a técnica em prática.

Treinar é importante, porém, mais do que isso, é necessário entender o que você está fazendo na cabeça de quem está sentado na sua cadeira. Portanto, não pare de estudar, busque dicas como as que colocaremos aqui neste conteúdo. Você cresce muito aprendendo com as experiências de outros profissionais.

Preparado!? Então fique com a gente até o fim do post e não deixe de assistir o vídeo preparado pelo Felippe Caetano. Ah, aproveite e já inscreva-se no canal dele no Youtube, e ative as notificações – naquele sininho – para receber todas as novidades.

DESVENDANDO O MISTÉRIO DO CORTE DEGRADÊ

Na realidade, não há grandes mistérios. Você pode ter certeza que aplicará essa técnica muitas e muitas vezes ao longo da sua carreira. Afinal de contas, o corte degradê é versátil e prático. Além disso, atravessa os tempos e nunca sai de moda.

Você pode combiná-lo com outras técnicas, brincar com tonalidades e trabalhar a altura. Sua melhor versão dependerá apenas do estilo de quem escolher adotá-lo.

Ah, neste conteúdo aqui falamos dos tipos de degradê e explicamos um pouquinho melhor outras técnicas de corte. Vale a pena conferir, hein!?

Agora, vamos em frente!

O CABELO MAIS DIFÍCIL DE FAZER CORTE DEGRADÊ

É escuro, volumoso e contrastado com a pele bem clara do cliente. Isso quer dizer que, por precisar trabalhar diversas tonalidades no cabelo, o profissional deve ser extremamente detalhista e perfeccionista. 

Uma dica do Felippe Caetano para conseguir atingir todos os tons é: vá devagar! Aliás, a pressa nunca foi amiga da perfeição, concorda!? 

Quer facilidade? O  cliente mais descomplicado de atender é aquele que tem cor de pele e de cabelo muito próximos. Por não haver tanta diferença de tons, a coisa fica mais simples.

TEMPO IDEAL DE ATENDIMENTO

A média é de 30 minutos. Obviamente, o grau de dificuldade varia e, dependendo, você pode levar o dobro disso

Entretanto, se você está iniciando na profissão, não desespere-se e nem leve o tempo tanto em consideração. Importe-se mais com a qualidade técnica do trabalho. Aliás, é provável que você termine tudo com perfeição após seu cliente ficar cerca de uma hora e meia com você.

O que não pode acontecer é você acomodar-se nessa experiência inicial de prazo. O Felippe indica que sua agilidade seja trabalhada sempre buscando aqueles 30 minutos dos quais falamos anteriormente. 

Essa média traz duas vantagens:

  • #1 Você consegue organizar a sua agenda, sendo mais assertivo nas horas marcadas;

  • #2 Seu cliente não fica esperando tanto.

É claro que tem conteúdo sobre corte degradê no Youtube do Felippe

No vídeo abaixo, o Felippe Caetano lhe convida a entender um pouco mais de degradê. Confira e aprenda mais:

Transformaremos você em um especialista em corte degradê

Você já viu o quanto é importante ser detalhista. Um trabalho bem elaborado transformará você em um barbeiro referência. Sabia que temos aqui a estratégia certa para você adotar?

Matricule-se agora no curso de barbeiros completo. Com essa chuva de conhecimento, dificilmente você terá dúvidas sobre como aplicar as técnicas de forma inteligente.